Capa do game Ultima IV: Quest of the Avatar

Ultima IV: Quest of the Avatar

Lançado há 36 anos | 4.26

Após a derrota da tríade maligna nos três jogos anteriores de Ultima, o mundo de Sosaria mudou além do reconhecimento: continentes se ergueram e afundaram, e novas cidades foram construídas, anunciando o advento de uma civilização diferente. Unificado pelo reinado do monarca benevolente Lorde Britânico, o novo mundo foi renomeado para Britânia. Lorde Britânico queria basear o bem-estar das pessoas nos princípios éticos da Verdade, Amor e Coragem, proclamando as Oito Virtudes (Honestidade, Compaixão, Valor, Justiça, Sacrifício, Honra, Espiritualidade e Humildade) como o ideal pelo qual todos devem se esforçar. A pessoa que pudesse realizar a compreensão e realização plena dessas virtudes serviria como um líder espiritual e um exemplo moral para os habitantes da Britânia; só ele seria capaz de obter artefatos sagrados, descer ao Abismo Esticado, e acessar o Cóxe da Sabedoria Suprema. Essa pessoa é o Avatar.

O quarto jogo da série Ultima apresenta um motor de jogo melhorado, com gráficos coloridos e interação de personagem aprimorada: o jogador pode ter conversas com personagens não jogáveis digitando nomes de vários tópicos. No entanto, a principal diferença entre Ultima IV e seus antecessores na série (bem como outros jogos de RPG) está nos objetivos do jogo e nas maneiras de cumpri-los.

Em vez de construir um personagem por qualquer meio possível para enfrentar um vilão no final do jogo, em Ultima IV o jogador está tentando se tornar o Avatar, um modelo para as pessoas. Isso significa defender as Oito Virtudes, basicamente tentando se tornar uma pessoa melhor. Tomar decisões moralmente conscientes e ajudar outras pessoas não é feito esperando uma recompensa material, mas porque é o objetivo real do jogo e o foco principal de sua jogabilidade. O jogo desaprova o comportamento típico da maioria dos outros RPGs, como trair inimigos em fuga ou pegar tudo o que não é pregado, mesmo que não pertença ao protagonista. Esta abordagem diferente estabeleceu a reputação do jogo como o primeiro Ultima "verdadeiro", influenciando a filosofia de design de parcelas posteriores e o espírito geral da série.

A criação de personagens é feita escolhendo respostas a questões moralmente ambíguas. Cada uma das Oito Virtudes corresponde a uma classe de caráter; determinando as prioridades pessoais do jogador nas virtudes, o jogo atribui uma classe e um local de partida para o Avatar. Depois de emergir na Britânia, o jogador é livre para explorá-lo de várias maneiras (a pé, moongate teletransporte, a cavalo, por navio, etc.). Certos itens devem ser coletados a qualquer ordem para entrar no Abismo Stygian e completar o jogo. O Avatar também tem que alcançar o mais alto nível em todas as virtudes. Isso é conseguido por vários meios: doar sangue aumenta O sacrifício, não fugir do combate aumenta o Valor, etc. O processo, no entanto, não é irreversível: se o Avatar pagar a mais um vendedor cego, ele ganha pontos de compaixão; se ele, por outro lado, enganar o vendedor por subpagamento, seu nível em várias virtudes diminuiria.

Essas características pouco ortodoxas do jogo coexistem com muitos elementos tradicionais de RPG, como masmorras para explorar e monstros hostis para matar. Inimigos são encontrados no mapa-múndi, bem como em masmorras; o combate ocorre em telas separadas de cima para baixo, permitindo que os partidos inimigos controlados pelos jogadores se movam livremente sobre eles. Os personagens acumulam pontos de experiência e nível para cima, ganhando maior quantidade de pontos de acerto e acesso a feitiços mágicos mais fortes. Como nos capítulos anteriores da série, mapa-múndi, exploração da cidade e combate são apresentados a partir de uma visão de cima para baixo, enquanto as masmorras são pseudo-3D e são exploradas a partir da perspectiva em primeira pessoa.

Ultima IV também introduz vários novos recursos de jogabilidade para a série e jogos de rpg em geral. Uma série de personagens inicialmente não jogáveis que vivem em várias áreas do mundo do jogo são capazes de se juntar à festa e lutar ao lado do herói, substituindo personagens tradicionais gerados por jogadores ou mercenários e aventureiros disponíveis apenas em locais especiais. Novos elementos adicionais incluem a compra e combinação de reagentes a fim de lançar feitiços, salas de quebra-cabeças em masmorras, entre outros.

A versão FM Towns, embora idêntica às outras na jogabilidade, introduz gráficos atualizados semelhantes aos usados no próximo capítulo da série.

Gêneros

Imagens

Videos

Gamers

Nenhum gamer encontrado, seja o primeiro!

Análises

Nenhuma análise encontrada, faça a primeira!

Comentários

Nenhum comentário encontrado, comente primeiro!

Games sugeridos

LOGAMERS
Somos um aplicativo Web completamente gratuito para gerenciar a sua coleção de games. Aqui você encontrará games, plataformas, análises e muito mais.